Justiça, Trabalho e Direitos Humanos

29/06/2016

Festival de Karatê reúne adolescentes de unidades socioeducativas

Quarta-feira (29) foi dia de prática esportiva para os adolescentes privados de liberdade que participam do projeto Karatê no Cense em Curitiba e Região Metropolitana e Ponta Grossa. O Centro de Socioeducação (Cense) de São José dos Pinhais sediou o festival promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, em parceria com a Associação Educacional de Desenvolvimento Humano e Social.

O evento contou com a participação de 22 adolescentes dos Censes São Francisco, Joana Richa, de São José dos Pinhais, Fazenda Rio Grande e das Casas de Semiliberdade de Curitiba e Ponta Grossa.

O intuito foi promover uma manhã de socialização entre os adolescentes participantes da ação. O projeto Karatê no Cense é realizado atualmente em todas as unidades socioeducativas do Estado e envolve todos os adolescentes que cumprem medida socioeducativa.

Para o diretor do Departamento de Atendimento Socioeducativo do Paraná, Pedro Ribeiro Giamberardino, esta é uma forma de descontrair os adolescentes que estão privados de liberdade. “Promover o intercâmbio entre os adolescentes de diversas unidades é primordial, o contato favorece o amadurecimento do adolescente”, ressaltou Giamberardino.

T.G, de 17 anos, adolescente da Casa de Semiliberdade de Ponta Grossa, foi o campeão do festival e falou sobre a importância do esporte. “A partir do momento em que a gente começa a praticar o karatê nossa mente melhora. Aprendemos a ter uma postura melhor e correta, o que favorece muito no caminho da ressocialização”, disse ele.

Para o professor e coordenador do Projeto no Estado, Guilherme Carollo, o festival proporcionou aos adolescentes o aperfeiçoamento das técnicas ensinadas pelos profissionais do karatê e a interação de todos na ação.

O evento contou com a participação de gestores de outros estados que estão em Curitiba para participar nesta quinta (30) e sexta-feira (1) do Fórum Nacional de Dirigentes Governamentais de Entidades Executoras da Política de Promoção e Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, com o objetivo de debater estratégias para a qualificação da socioeducação.

Também estavam presentes os diretores do Censes de São José dos Pinhais, Vandir da Silva Soares; Fazenda Rio Grande, Luciano Farias; Joana Richa, Célia Braga Figueiredo Fayzano; da Casa de Semiliberdade de Curitiba, Gláucia Rennó Cordeiro; e demais profissionais do Cense e servidores do Departamento de Atendimento Socioeducativo da Seju.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.