Secretaria de Justiça, Família e Trabalho lança mais ações contra o coronavírus
16/03/2020 - 11:25

Feira da Cidadania que reuniria mais de 5 mil pessoas na próxima sexta-feira em Curitiba foi cancelada

 

O secretário da Justiça, Família e Trabalho do Estado do Paraná, após muita leitura e conversas com o secretário de saúde, Beto Preto, publicou na manhã deste sábado (14/03) uma série de determinações com medidas preventivas para evitar o contágio e a propagação do coronavírus – algumas para o público interno (servidores) e outras para a sociedade.

As determinações do secretário Ney Leprevost têm o objetivo de informar a população e adotar ações proativas para evitar o contágio do Covid-19.

A Feira da Cidadania, que tinha expectativa de público superior a mais de 5 mil pessoas e que aconteceria na próxima sexta-feira em Curitiba, foi cancelada. Já a Feira da Cidadania de Londrina, onde ainda não foram confirmados casos de coronavírus, está mantida para quarta-feira (desde que, ao ar livre, tomando as medidas necessárias para não reunir mais de 300 pessoas simultaneamente).

A Secretaria Justiça, Família e Trabalho vai fornecer a entidades que trabalham com idosos, pessoas com deficiência, crianças, famílias em situação de vulnerabilidade, indígenas e migrantes, todas as informações e auxílio para que tenham acesso a rede de saúde de cada município. 

Por sua vez, o Procon-PR reforçará as ações fiscalizatórias para combater abusos nos preços de produtos como álcool em gel e máscaras descartáveis.

Leprevost também determinou que o Departamento do Trabalho atue junto às entidades que representam trabalhadores e empresários para que sejam apresentadas propostas que possam minimizar o desemprego em caso de extremo agravamento da crise.

Ney também determinou que os departamentos de Justiça e de Direitos Fundamentais que “estudem, em conjunto com nossos parceiros do TJ, do Ministério Público, da OAB e da Defensoria Pública; medidas de proteção dos direitos dos vulneráveis para casos de pandemias”, enquanto o Departamento de Justiça deverá adotar medidas, em conjunto com a delegacia de crimes cibernéticos da Secretaria de Segurança Pública, para combater a disseminação de fake News sobre a doença.

Para os servidores - A partir de agora o expediente no Palácio das Araucárias e em todos os edifícios de órgãos ligados à Sejuf deverá ser com as janelas abertas, todos os departamentos devem ter álcool gel disponível para servidores e visitantes, e os funcionários responsáveis pela limpeza dos imóveis serão orientados a redobrar as medidas de higiene, limpando diversas vezes ao dia todos os locais que são constantemente tocados pelas pessoas – como corrimões e botões de elevadores.

Já os eventos e reuniões marcados para o auditório Mário Lobo ou outros recintos sem janelas serão transferidos para locais arejados, com limitação máxima de 100 pessoas presentes.  “Determino também que todas as reuniões marcadas para o Espaço Fany Lerner, no Palácio das Araucárias, inclusive dos conselhos de direitos, aconteçam com as janelas inteiramente abertas”, prossegue o texto do secretário.

Além disso, todos os prédios públicos sob responsabilidade da Sejuf terão afixados, em locais bem visíveis para o público, cartazes com orientações sobre a prevenção ao coronavírus.

“Com união, disciplina, informação, solidariedade e ação, vamos vencer esta luta”, finaliza Leprevost.

GALERIA DE IMAGENS