Secretaria de Justiça, Família e Trabalho dá posse a nova presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher do Paraná
29/11/2021 - 09:55

O secretário de Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, deu posse nesta sexta-feira (26/11) à nova presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher do Paraná (CEDM) para o biênio 2021-2023. Mara Sperandio, chefe Departamento de Garantias dos Direitos da Mulher, da Sejuf, vai presidir o conselho e Isabel Pereira Corrêa, da União Brasileira das Mulheres será a vice-presidente.

O evento de posse foi realizado no Palácio das Araucárias, em Curitiba. Pelo regimento do Conselho, representantes do governo e da sociedade civil se alternam na presidência. Na gestão anterior, Maria Isabel Pereira Corrêa presidiu o CEDM. Para este novo mandato, Mara Sperandio simboliza o retorno da representação governamental à direção do órgão. Maria Isabel, por sua vez, foi indicada pelas demais conselheiras, como vice na gestão.

A finalidade do CEDM é possibilitar a participação popular e propor diretrizes de ação governamental voltadas à promoção dos direitos das mulheres.

O secretário Ney Leprevost reforçou o propósito da Secretaria em apoiar o Conselho da Mulher em todas as lutas para fazer a diferença e tornar cada vez mais as mulheres protegidas da violência e grandes formadoras de opinião. “Precisamos proporcionar ao Conselho Estadual dos Direitos da Mulher do Paraná condições de investir em ações que possibilitem a otimização da empregabilidade da mulher”, complementando que é proporcionando autonomia financeira à mulher que poderemos oferecer a elas meios de denunciar a violência que sofrem sem o receio do desamparo financeiro.

COMPOSIÇÃO DO NOVO CEDM - Juntamente com Mara Sperandio e Maria Isabel Pereira Corrêa, foram eleitas e empossadas as seguintes representações:

👉 Associação de entidades de mulheres do Paraná (ASSEMPRA) - Rosalina Batista como (titular) e Silvana Rausis (suplente);

👉 Central Integrada de Apoio Familiar Pastor Rubens de Castro - Tania Cristina de Castro Ribeiro (titular) e Marceli de Camargo (suplente);

👉 Grupo Dignidade pela cidadania LGBTI+ Margarete Lopes Iung (titular) e Rafaelly Wiest da Silva (suplente);

👉 Federação de Mulheres do Paraná - Daniella Blanc Pierri Marques (titular) e Fernanda Queiroz (suplente);

👉 Instituto Humanista de Desenvolvimento Social (Humsol) - Terezinha Andrade Possebom (titular) e Simone Beck Ribeiro (suplente);

👉 Rede Nacional Feminista de Saúde, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos – Regional Paraná (RFS) - Carmen Regina Ribeiro (titular) e Lara Cubis de Lima (suplente);

👉 Rede de Mulheres Negras do Paraná (RMN) - Célia da Silva Leonardo Garcia (titular) e Ivanete Paulino Xavier (suplente);

👉 União Brasileira de Mulheres (UBM) - Maria Isabel Pereira Corrêa (titular) e Maria Inês Ramos de Godoy (suplente).

No segmento entidades de caráter sindical foram eleitas:

👉 Central Única dos Trabalhadores (CUT) - Eunice Tieko Miyamoto (titular) e Benedita Isabel dos Santos (suplente);

👉 Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Paraná - Margleyse Adriana dos Santos (titular) e Marcia Aparecida de Oliveira Neves (suplente)

👉 Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Paraná -  Clarice da Silva Weisheimer (titular) e Gisele Falat (suplente);

👉 Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Paraná (SINDJUS/PR) - Andréa Regina Ferreira da Silva (titular) e Patrícia Robes Loureiro (suplente)

Segmento Instituição de Ensino Superior:

👉 Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR) - Isabela Candeloro Campoi (titular) e Maria Inez Barboza Marques (suplente).

(Via Assessoria de Imprensa – Josias Lacour).