Sistema Socioeducativo da Secretaria de Justiça desenvolve e-book para relatar boas práticas adotadas durante a pandemia da Covid-19
05/02/2021 - 18:40

No intuito de criar uma produção escrita dos desafios e legados do Sistema Socioeducativo do Paraná durante a pandemia do coronavírus, o Departamento de Atendimento Socioeducativo da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Paraná está desenvolvendo um e-book – livro digital – “Socioeducação do Paraná na pandemia: desafios e legados”. A ação é desenvolvida em parceria com membros do Comitê Interinstitucional Socioeducativo de Acompanhamento da Covid-19.  

No e-book constam os registros das deliberações, memórias, avanços, desafios e boas práticas constituídas e implementadas durante o período de enfrentamento do coronavírus. Já a parte das ilustrações está sendo confeccionada pelos próprios adolescentes que cumprem medidas socioeducativas. “Essa é uma possibilidade do registro público dos atores do sistema socioeducativo sobre as boas práticas aplicadas para proteção integral aos adolescentes, direitos humanos e ressocialização”, ressaltou o secretário da Justiça, Ney Leprevost.      

Segundo o chefe do Departamento de Atendimento Socioeducativo, David Antônio Pancotti, “estamos incentivando cada vez mais que as boas práticas sejam realizadas nas unidades socioeducativas do Estado do Paraná, fortalecendo cada vez mais e estreitando os laços entre servidores e adolescente que cumprem medidas socioeducativas”.       

Com previsão para publicação em março, a obra já contempla até o momento: 25 artigos, com a participação de 13 Centros de Socioeducação e 3 Casas de Semiliberdade, como também artigos da gestão do Dease e do Comitê Interinstitucional, contabilizando 57 autores envolvidos e mais de 400 páginas escritas. O trabalho está sendo coordenado pela psicóloga Flavia Palmieri Oliveira, da Divisão Psicossocial do Dease.

(Via Assessoria de Imprensa – Luiz G. Mazza Neto).

Últimas Notícias